25.5 C
Brasília
Home Brasília Distritais pedem fechamento total para Ceilândia

Distritais pedem fechamento total para Ceilândia

A decisão estaria amparada não só pelo governador Ibaneis Rocha, mas também pelo presidente da CLDF, Rafael Prudente, e pelo distrital e morador de Ceilândia, Chico Vigilante

Po Ricardo Ulhoa

A possibilidade de decretação de lockdown, ou seja, fechamento total das atividades sociais e comerciais, em Ceilândia está cada vez mais próximo. Isso porque hoje, 3, os deputados distritais Rafael Prudente (MDB) e Chico Vigilante (PT) se reuniram com o secretário de Saúde do Distrito Federal, Francisco Araújo para tratar sobre o assunto. Em entrevista à imprensa, o próprio Vigilante, que é morador de Ceilândia, confirmou que a medida fora apresentada ao secretário.

“Ceilândia tem uma parte desenvolvida, mas tem também outra parte mais pobre, que moram muitos dentro de um mesmo barraco, sem as condições de higiene e cuidados necessários”, teria justificado Vigilante. “Eu conversei com o secretário Valdetário e ele não descartou essa possibilidade. Vai depender muito do comportamento das pessoas.”

Ceilândia é a região administrativa que mais tem casos confirmados (já passa de 1.200) e o maior número de mortes. O próprio governador do DF, Ibaneis Rocha (MDB), conforme divulgado pela imprensa local, disse que não descartava a possibilidade de decretar o fechamento total não só em Ceilândia, mas também em Samambaia, Estrutural, Sol Nascente e Estrutural, cidades que apresentam elevados números de casos da doença.

Ibaneis estaria pronto para decretar o lockdown nas regiões como Ceilândia, Samambaia, Pôr do Sol, Sol Nascente e Estrutural.

Em vídeo, divulgado no domingo (31), o governador chamou à responsabilidade os comerciantes, já que a volta das atividades comerciais é uma dos principais motivo pela retomada das atividades. “E vocês, comerciantes, que agora têm oportunidade de retomar as atividades, façam isso com responsabilidade. Não nos obrigue a tomar medidas mais duras”, disse Ibaneis.

O distrital e presidente da Câmara Legislativa do DF (CLDF), Rafael Prudente,também em entrevista à imprensa local, comentou sobre a situação de Ceilândia. “Até parece que a doença não chegou lá. Conversei com o governo e pedi para que seja instalado um comitê de crise específico para a Ceilândia, para que sejam tomadas algumas atitudes mais enérgicas com a participação dos parlamentares”, disse.

Conforme o teria garantido do secretário de Saúde, um gabinete do Conselho de Saúde, que é ligado à pasta, vai deve ser transferido para região a fim de acompanhar de perto as ações de combate à pandemia.

Atualizações

A Secretaria de Saúde do Distrito Federal contabilizou quatro novas mortes pelo novo coronavírus nesta quarta-feira, 3, alcançando 167 óbitos. Os dados disponibilizados pela pasta às 12h01 também apontam que mais 142 pessoas foram diagnosticadas com o vírus, registrando 11.398 casos.

Ceilândia aparece 1.233 casos, sendo a cidade com o maior número de diagnósticos. O Plano Piloto tem 1.035 casos, ocupando o segundo lugar. Taguatinga vem em terceiro, com 771 infectados, seguido de Samambaia, com 715 contaminados.

Fonte News Black

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Most Popular

Em Samambaia, SSP faz 3,7 mil atendimentos em uma semana

Lançado pela Secretaria de Segurança Pública (SSP-DF) em Samambaia, o projeto itinerante Cidade da Segurança Pública foi finalizado neste domingo (1º) com ações...

Adolescentes de 12 a 17 anos com comorbidades terão 5 mil vagas

A vacinação de adolescentes de 12 a 17 anos com deficiência, contra covid-19, será ampliada e o número de vagas para agendamento passará...

Detran oferece curso para professores das escolas públicas

Até o dia 18 deste mês, professores e coordenadores das escolas públicas do Distrito Federal podem se inscrever para a capacitação em Mobilidade...