16.5 C
Brasília
Home Brasília Funcionárias da Caesb saem da rotina e jogam futebol aos sábados

Funcionárias da Caesb saem da rotina e jogam futebol aos sábados

Hoje é comemorado o Dia Nacional do Futebol, o esporte mais popular no Brasil, e as funcionárias da Caesb não fazem feio em campo. Durante a semana, elas trabalham arduamente para garantir água e esgoto aos brasilienses. Mas nas manhãs de sábado elas penduram o uniforme e calçam as chuteiras no Clube Caeso para treinar.

Esse grupo de mulheres nem liga quando são olhadas com estranheza por terem escolhido um esporte tradicionalmente masculino. O time de futebol feminino da Caesb conta com a participação de mulheres da empresa, esposas de empregados, terceirizadas e estagiárias. 

time de futebol feminino da Caesb conta com a participação de mulheres da empresa, esposas de empregados, terceirizadas e estagiárias| Foto: Divulgação/Caesb

Tudo começou em 2014, quando a Caesb participava dos Jogos Poliesportivos Sesi Empresas (Jopese) e foi preciso montar um time de futebol feminino.

A técnica em edificações da Caesb, Leda Jaci Pedreira, que trabalha há 29 anos na empresa, relata como tudo aconteceu. “Precisávamos representar a Caesb nos Jogos e fomos convidar as empregadas para formar um time.

A partir daí, decidimos continuar no Clube Caeso, treinando para participar de competições esportivas e, principalmente, nos divertir”, afirma Leda. 

Mesmo com o cansaço da rotina diária, o combustível para continuar treinando é a qualidade de vida. “Quando a gente se reúne para treinar, esquecemos os problemas e temos um momento só para nós, mulheres. Criamos laços e damos força uma para a outra, em todos os momentos. E, além disso, fortalecemos a socialização, que é um dos pontos primordiais, e faz com que a gente aprenda a conviver com diferenças”, defende a técnica. 

A coordenadora de Operações Regionais Oeste, Noélia Gomes, está na Caesb desde 2007 e participa do time desde a sua criação. Para ela, o futebol é uma excelente prática.

“Acho maravilhoso ter a oportunidade de treinar com as colegas de trabalho. Além do treino, tem a parte social, em que conversamos, trocamos ideias. Precisamos de mais mulheres para participar. Temos outros esportes disponíveis no Caeso. Fica aqui o convite. Todas as mulheres serão bem-vindas. O Clube é de todos nós”, explica Noélia. 

O Clube Caeso cede o espaço para as empregadas treinarem e disponibiliza todo o material esportivo. Para o presidente do Caeso, Élcio Freire, a participação com mais frequência das famílias nas atividades do Clube é fundamental, principalmente com a presença feminina.  

* Com informações da Caesb

Fonte: Agência Brasília

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Most Popular

Aberto chamamento público para prestação de serviço veterinário

O Instituto Brasília Ambiental deu início ao chamamento público que visa celebrar parcerias com Organizações da Sociedade Civil (OSC) para executar o serviço...

Rede pública duplica número de transplantes de córnea

“Ver que os pacientes que precisam do transplante de córnea estão sendo atendidos é muito gratificante” Camila Vieira Hirata, diretora da Central de...