- PUBLICIDADE -

É CAMPEÃO! – Após 38 anos de espera, equipe carioca volta a vencer o torneio mais importante do continente

O clube dono da maior do torcida do Brasil agora é também o dono da América. O Flamengo conquistou a Copa Libertadores pela segunda vez ao bater o River Plate, em Lima. Que jogo! O time brasileiro espalhou pelo continente as cores vermelha e preta de sua bandeira. Com milhares de flamenguistas em êxtase no Peru e outros tantos em celebração nas ruas do Rio e demais cidades do País, o Fla do técnico Jorge Jesus transmitiu nesta temporada alegria e bom futebol.

A partir de agora, ver o Flamengo em ação na Libertadores não é so lembrar do time de Zico, Júnior e outros do elenco campeão em 1981. Será também sinônimo dos gols e das comemorações de Gabigol, o novo Rei do Rio, das arrancadas de Bruno Henrique e dos passes de Arrascaeta. Magistrais. O Flamengo de futebol bonito e técnica apurada deu à América um novo padrão de jogo. Uma esperança ao futebol naiconal.

O enredo desse Flamengo campeão teve aventuras variadas, até dissabores. Da estreia na altitude de Oruro, na Bolívia, até a final em Lima, às margens do Oceano Pacífico, a equipe encarou 13 jogos e grandes obstáculos. Teve disputa de pênaltis e confrontos com rivais brasileiros. A saga do bicampeonato chegou ao fim, com glória, orgulho e a certeza de que vem muito mais por aí. Informações do Estadão

- PUBLICIDADE -

Continue Lendo

- PUBLICIDADE -

Mais Lidas

- PUBLICIDADE -