- PUBLICIDADE -

Gestão do transporte semiurbano passa para o GDF

A partir desta quinta-feira (8), a gestão do transporte semiurbano de passageiros, que liga Brasília e as regiões administrativas do DF aos municípios goianos do Entorno, passa a ser do Governo do Distrito Federal. A Secretaria de Transporte e Mobilidade (Semob) fará o planejamento das linhas e dará início à elaboração do novo Plano de Outorgas. Até que ocorra a nova licitação, as linhas e horários de ônibus permanecem os mesmos, bem como o transporte realizado pelas atuais empresas autorizadas.

“Algumas linhas do semiurbano já foram autorizadas a transitar pelas faixas exclusivas e no corredor do BRT. Além disso, a Semob já estendeu linhas que antes só atendiam o DF para que atendam também as cidades goianas próximas da fronteira”Valter Casimiro, secretário de Transporte e Mobilidade

O GDF assume a gestão do transporte semiurbano por meio de delegação da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT). O sistema conta com sete operadoras que atuam nas 396 linhas de ônibus entre o DF e as cidades de Águas Lindas de Goiás, Cidade Ocidental, Formosa, Girassol, Luziânia, Mansões Marajó (Cristalina), Monte Alto (Padre Bernardo), Novo Gama, Planaltina, Santo Antônio do Descoberto e Valparaíso.

A Semob fará estudos para promover a integração operacional entre o sistema do DF e as linhas do Entorno, no sentido de racionalizar os dois sistemas.

De acordo com o secretário de Transporte e Mobilidade, Valter Casimiro, a integração do semiurbano com o sistema de transporte do Distrito Federal vai reduzir o tempo de viagem e facilitar a vida dos passageiros. “O estudo da Semob vai apontar formas de buscar a melhoria da qualidade do serviço de transporte do Entorno”, disse.

Casimiro informou ainda que “algumas linhas do semiurbano já foram autorizadas a transitar pelas faixas exclusivas e no corredor do BRT. Além disso, a Semob já estendeu algumas linhas que antes só atendiam o DF para que atendam também as cidades goianas próximas da fronteira”, afirmou.

A integração dos dois sistemas será operacional, não havendo integração tarifária. O estudante que mora em município fora do DF não goza de isenção tarifária, portanto, não poderá utilizar o cartão do passe livre nos ônibus do Entorno.

 

*Com informações da Semob

Fonte: Agência Brasília

- PUBLICIDADE -

Últimas

Riacho Fundo terá mutirão de vacinação contra a gripe neste sábado (2), informa Secretaria de Saúde

Por Fernanda Santos A Secretaria de Saúde do Distrito Federal...

Prazo para regularização de clubes e outras entidades encerra no dia 7 de julho, informa Terracap

Por Fernanda Santos A Companhia Imobiliária de Brasília (Terracap) informa...
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -

Continue Lendo

Riacho Fundo terá mutirão de vacinação contra a gripe neste sábado (2), informa Secretaria de Saúde

Por Fernanda Santos A Secretaria de Saúde do Distrito Federal (SES-DF) informa que, neste sábado (2), em Riacho Fundo, será feito um mutirão durante o...

Pessoas com mais de 35 anos já podem receber a segunda dose de reforço da vacina contra a covid-19 a partir desta sexta-feira (1º)

Por Fernanda Santos A Secretaria de Saúde do Distrito Federal (SES-DF) informa que a segunda dose de reforço da vacina contra a covid-19 está disponível,...

Prazo para regularização de clubes e outras entidades encerra no dia 7 de julho, informa Terracap

Por Fernanda Santos A Companhia Imobiliária de Brasília (Terracap) informa que o prazo para ocupações históricas de clubes e outras associações e entidades sem fins...