- PUBLICIDADE -

Mais de 2 mil próteses adquiridas para dar mais mobilidade a quem precisa

Há 11 anos, Rafael Pereira, 80 anos, teve que amputar a perna direita devido a uma queda do telhado de sua casa. Para continuar sua rotina independente, o aposentado ganhou uma prótese. Assim como ele, milhares de pessoas também foram beneficiadas com os equipamentos, que além de garantirem a independência, melhoram a autoestima e ajudam na reinserção social.

Entre 2019 e 2021, por exemplo, 1.469 próteses ambulatoriais para membros superiores e inferiores – para pessoas que amputaram alguma parte do corpo – foram adquiridas pela Secretaria de Saúde. Dessas, 526 já foram entregues e há previsão de chamar mais 200 pessoas para receberem a peça este ano. O investimento foi de R$ 3,5 milhões.

O governo local também oferta próteses cirúrgicas. Entre 2019 e 2021, foram inseridas 642 peças durante operações – nos ombros, quadril e joelhos – ao custo de R$ 2,2 milhões | Foto: Paulo H Carvalho./Agência Brasília

Em janeiro deste ano, também foram concedidos 89 próteses de alta tecnologia de membro inferior – que não eram adquiridos pelo GDF desde 2013. Os acessórios são mais caros, de titânio e oferecem maior mobilidade ao usuário.

“Antes da pandemia, eu costumava viajar sozinho. Vou ao mercado, açougue, verdurão, banco, igreja”, conta Rafael. “Todo o processo, desde a cirurgia até a fisioterapia e o uso da prótese, foi bem acompanhado. Só tenho a agradecer a todos os profissionais envolvidos, que me ajudam quando eu preciso até hoje”, comenta o morador de Ceilândia Sul.

Qualidade

São sete tipos de próteses ambulatoriais disponibilizadas: desarticulação de quadril e de joelho; de endoesquelética transfemural (para a coxa e perna) e transtibial (para as pernas); de pirogoff (para as amputações parciais do pé; transumeral (para o braço) e transradial (para o antebraço). A chefe da Oficina Ortopédica da Secretaria de Saúde, Maria Fernanda Baciuk, explica que as próteses são feitas de alumínio e aço.

“Todo produto adquirido passa por uma avaliação da equipe técnica para garantir a qualidade na hora da entrega”, ressalta a chefe da oficina. “São próteses muito boas que ajudam não só na independência dessas pessoas, mas também promovem autoestima e permite que elas façam atividades profissionais e sociais”, reforça a fisioterapeuta.

O governo local também oferta próteses cirúrgicas. Entre 2019 e 2021, foram inseridas 642 peças durante operações – nos ombros, quadril e joelhos – ao custo de R$ 2,2 milhões. “Elas são colocadas para tratar diversos problemas, como fraturas, patologias, doenças degenerativas”, informa o Referência Técnica de Distrital (RTD) de Ortopedia da Secretaria de Saúde, Jorge Oliva.

Como conseguir uma prótese

A Unidade de Saúde Básica (UBS) é a porta de entrada para os atendimentos de saúde. Por lá, o paciente será encaminhado para realizar o tratamento de fisioterapia e reabilitação, além de ser orientado a comparecer ao Núcleo de Atendimento Ambulatorial de Órteses e Próteses e Materiais Especiais (NAOPME).

Na unidade, localizada na Estação do Metrô da 114 Sul, na Praça do Cidadão, o interessado fará sua inscrição e entrará na fila de espera pelo equipamento. Para mais informações, basta ligar, gratuitamente, no número 2017-1145, nos ramais 1164 ou 1129.

Fonte: Agência Brasília

- PUBLICIDADE -

Últimas

- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -

Continue Lendo

Na Hora da Rodoviária recebe mutirão da Defensoria Pública da União

Por Fernanda Santos A agência do Na Hora, na rodoviária do Plano Piloto, vai estar aberta neste sábado (28), das 13h30 às 18h, para atender...

Saldo do Nota Legal poderá ser usado para pagar tributos vencidos

Por Fernanda Santos A Secretaria de Economia do Distrito Federal publicou, no Diário Oficial do DF (DODF), desta quinta-feira 26, o decreto que possibilita aos...

Programa de CNH gratuita encerra inscrições na quarta; saiba como participar

Por Fernanda Santos Os interessados em participar do programa Habilitação Social (CNH Social), que oferece CNH gratuitamente, precisam ficar atentos com a data final para...